26 de jun de 2008

Riso

Se tu ris

este riso doido
descabelado
caliândrico
soprando vestígios

este guizo
epidêmico
múltiplo pólen
contaminando

este riso
despetala-me

2 comentários:

Salve Jorge disse...

Riso
Só riso
Preciso
Precioso
Parece gozo
Par se nosso
Parte-me
Porque tudo posso...

Aline Aimée disse...

Despetalei ao (re)verso,
nutrida e contaminada!