26 de set de 2008

Ser flor

Ela botão.
Desabotoa
a saia:
petalada corola.

Aberta
é puro cheiro.
É veludo.
É cor.

Ela pistilo
aguarda o toque.

6 comentários:

J.F. de Souza disse...

à flor da pele

H.Hora disse...

Ela desabrocha,
ela floresce,
o espinho dela, fere.
ela mulher,
ela flor.

Yara disse...

"Quando você chega nega fulô
Boneca de piche, flor de azeviche...
Você me faz parecer menos só..."

Aline Aimée disse...

Adoro poemas com flores. Sempre os escrevo e leio. A flor é esse misto de beleza inebriante e fragilidade imensa: a força e a fraqueza conjugadas. Amooooooooooo!

Pavitra disse...


menina, como gostei de ler vc!

tô vindo lá pelos links do b7c...
virei muito mais vezes!

Pavitra disse...


e ela aguarda o pólen
ao estigma da flor...